AzMina
Seja a líder 



Em pleno 2018, 86% das cadeiras dos cargos elegíveis na política são ocupadas por homens. Essa realidade é extremamente grave para os nossos direitos.

Por isso, nesse 8 de março, ao invés de agradecer a força das mulheres com rosas e chocolates,nós as chamamos pra guerra. A única guerra que vai nos dar voz de verdade: a da representatividade na política.



A campanha também rolou nas redes sociais, onde citamos algumas frases ditas por políticos eleitos que claramente não representam as mulheres.