*que às vezes ataca de DA rs



Coca-Cola
FanFeat 



Os fãs fazem de tudo por seus ídolos. Eles encaram dias de fila para assistir um show, enfrentam um perrengue atrás do outro, investem quanto dinheiro for preciso e vão até o fim para mostrar seu amor e suporte. Taí uma galera que não tá pra brincadeira. 

E... como usar essa loucura absurda para vender mais Coca-Cola? Juntando os 9 maiores fanclubes do Brasil e deixando a decisão de quem vai fazer o hit do ano em suas mãos.









Depois de muita confusão e gritaria, os fanclubes mais tretas elegeram os vencedores: Pabllo Vittar, Simone e Simaria e Luan Santana. :) 




AzMina
Seja a líder 



Em pleno 2018, 86% das cadeiras dos cargos elegíveis na política são ocupadas por homens. Essa realidade é extremamente grave para os nossos direitos.

Por isso, nesse 8 de março, ao invés de agradecer a força das mulheres com rosas e chocolates,nós as chamamos pra guerra. A única guerra que vai nos dar voz de verdade: a da representatividade na política.



A campanha também rolou nas redes sociais, onde citamos algumas frases ditas por políticos eleitos que claramente não representam as mulheres.



Coca-Cola
Agradeça 



As pessoas não sabem como se expressar no Natal. Segundo o Google, a maior busca no fim de ano é por "mensagens de Natal", que geralmente resulta em gifs cafonas com mensagens vazias. A Coca-Cola queria ajudar essa galera a dizer coisas realmente legais. 

Por isso, criamos 18 frases que falam, na lata (com o perdão do trocadilho), #apenasverdades sobre o Natal. Isso deu uma força para as pessoas a se expressarem com uma latinha de Coca. As frases também viraram vídeos compartilháveis que ~bombaram nas redes sociais~.




















A.C.Camargo
Mãos Quase Perfeitas



No Outubro Rosa, todas as campanhas de prevenção do câncer de mama batem na mesma tecla: "faça o autoexame”. O que ninguém fala é que as nossas mãos são incapazes de sentir um tumor na mama antes que ele chegue a 1 cm. E aí pode ser tarde demais.





Para alertar sobre a importância da mamografia, reunimos artistas que já lutaram contra um câncer de mama e que, apesar das mãos extremamente sensíveis, não conseguiram detectar seus nódulos com o autoexame. Elas criaram obras de arte usando suas chapas de mamografia como tela e essas peças serviram de alerta a outras mulheres.






Nas ruas, transformamos os OOH em enormes caixas de luz médicas que revelavam as chapas de mamografia. Também fizemos filmes com as artistas contando suas histórias reais. A campanha virou exposição de arte e até matéria na TV Cultura. E o mais bacana: o número de mamografias do A.C. Camargo aumentou em 40%. :)